13 de nov de 2011

Julieta Imortal - Stacey Jay

Editora: Novo Conceito
Páginas: 240

Julieta Capuleto não tirou a própria vida. Ela foi assassinada pela pessoa em quem mais confiava, seu marido, Romeu Montecchio, que fez o sacrifício para assegurar sua imortalidade. Mas Romeu não imaginou que Julieta também teria vida eterna e se tornaria uma agente dos Embaixadores da Luz. Por setecentos anos, Julieta lutou para preservar o amor e as vidas de inocentes, enquanto Romeu tinha por fim destruir o coração humano. Mas agora que Julieta encontrou seu amor proibido, Romeu fará de tudo que estiver ao seu alcance para destruir a felicidade dela. 








Não me importo em não ser o primeiro, contanto que seja o último.



Tudo o que você sabia sobre o romance de Romeu e Julieta é uma farsa. Julieta, na verdade, foi morta pela pessoa que mais amava no mundo, o seu marido. E ele fez tudo isso para garantir a sua imortalidade e se unir aos Mercenários. Porém ele não sabia que tal ato tornaria Julieta uma Embaixadora da Luz, ela é que uni e protege as almas gêmeas no mundo humano, já a missão de Romeu é acabar com o amor. Nesse cenário intrigante descobriremos as diferentes faces do amor e as cicatrizes que deixam em nossas vidas.

Fiquei bastante animada quando recebi este livro para resenha da editora pois ouvi vários comentários de que era um ótimo romance sobrenatural, então as minhas espectativas eram bem altas. As primeiras páginas foram viciantes, eu gostei do modo como a autora abordou o tema e a narrativa também era gostosa, porém quando cheguei na página 120 mais ou menos, travei. Não consegui pegar o livro para ler por nada e quando lia alguma coisa eram no máximo dois capítulos. 

Acontece que na metade da estória senti que a escritora forçou demais a imaginação e acabou exagerando quando tentava explicar sobre os seres que criou. Não simpatizei com os mercenários ou embaixadores e achei sem sentido o fato da "chefe" de Julieta se chamar Enfermeira. Muitos pontos ficaram soltos durante a leitura e me senti perdida em algumas vezes.

Os personagens são interessantes, alguns deles tem personalidade bem forte mas nada muito diferente do que já estamos habituados em outros livros do gênero. Portanto, além da nova "mitologia" criada pela Stacey não tive grandes surpresas quanto a obra.

Julieta Imortal tinha tudo para ser um bom livro, na minha opinião a autora poderia ter abordado o tema sob outro ângulo. Não fui a única pessoa que leu e não gostou dos mercenários, embaixadores e etc. Apesar dos pontos negativos a estória conseguiu focar no amor de um jeito bem diferente e ao menos isso me agradou.

5 comentários:

  1. ééé, ainda assim estou louca pra ler esse livro! pq será? =/

    ResponderExcluir
  2. Flooor eu amei o seu cantinho *0* de verdade.
    Aceitas parcerias?
    Abraços. Mar
    Imaginayre.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. A princípio Julieta Imortal foi um livro que despertou minha atenção, por sua capa bonita e o tema bem original.
    Mas conforme foram surgindo as resenhas, fui vendo que mtas pessoas não tinham gostado, o que me desanimou um pouquinho.
    Se tiver a oportunidade de ler vou fazer isso e ver o que acho. Esse deve ser o tipo de livro que ou vc gosta ou não gosta.
    Vamos o que vou achar... :D
    Bjs.

    ResponderExcluir
  4. Este livro despertou muito minha curiosidade, porém as resenhas não são tão animadoras como eu imaginava. Mas mesmo assim, não desistir de lê-lo :)

    ResponderExcluir
  5. Eu estou muito curiosa para ler esse livro, sério. E olha que eu não sou muito de ler livros!

    ResponderExcluir

• Escreva um comentário e deixe uma blogueira muito feliz!

 
Minima Color Base por Layous Ceu Azul editado por Anderson Vidal