6 de jun de 2012

Novo parceiro do blog e resenha do livro "Abusado"

-


Antes de iniciar a resenha sobre o livro de um dos maiores jornalistas do Brasil, vou apresentar para vocês o mais novo parceiro do blog, que irá colaborar com alguns posts por aqui!      O nome dele é Bruno Teixeira, tem 20 anos e também estuda Jornalismo. Hoje ele irá resenhar o livro "Abusado", um de seus favoritos. Espero que gostem!




"ABUSADO" - Caco Barcellos

Editora: Record
Páginas: 588

ABUSADO, livro-reportagem de Caco Barcellos, é uma verdadeira lição sobre a lógica, os meandros e o modus operandi das grandes corporações criminosas que comandam o tráfico de drogas e outras atividades criminosas no Estado. Através da história de Juliano VP (codinome de um conhecido traficante carioca) - sua infância, adolescência, entrada e ascensão no tráfico de drogas na favela Santa Marta (em Botafogo, bairro de classe média) -, temos um retrato histórico da ocupação do morro pelo Comando Vermelho, principal facção criminosa no Estado, e da implantação de sua cruel disciplina. 



Caco Barcellos por si só dispensa comentários, louvores e afins. O senso de apuração do jornalista gaúcho deve servir de exemplo aos jovens estudantes de comunicação. Ele consegue ser extramente detalhista sem perder o ritmo da narrativa. Portanto, nada mais justo do que falar de o “Abusado”, no meu conceito, o livro mais bem produzido por Caco. 

O autor conta sobre a vida do (verdadeiro) Marcinho VP no morro Dona Marta e nos remete a análises profundas sobre os estereótipos criados a cerca dos moradores de favelas. Juliano VP, o personagem principal,  é o cara da comunidade que pensa de fora do morro pra dentro. Suas passagens mostram uma pessoa que se importa com o bem estar de seus vizinhos e parceiros

Juliano VP nos conquista, creio que essa seja a palavra. Já ouvi muitos leitores afirmarem que torciam por ele no retrato contado por Barcellos. 

A adolescência, a ascensão ao tráfico e o auge de sua jornada são acompanhadas pelo autor. Os amigos de infância que saíram de cena para tentar viver longe da viloência, aqueles que ficaram para correr ao lado de VP e aqueles que se tornaram seus inimigos fazem parte da vida quase de fantasia do traficante. Isso porque o dinheiro trouxe mulheres, carros, armas e viagens.

Numa dessas viagens, Caco (que acompanha de perto a vida do pergonagem) e Juliano VP visitam Buenos Aires, em uma das fugas do traficante. Conversam, dividem quarto e vivem alguns momentos de maior tensão com a procura da polícia brasileira em solo Argentino. Em outra, Juliano revela idas ao norte e nordeste do Brasil atrás da carga de cocaína para abastecer o morro.

Em paralelo aos turbilhões vividos por VP, Caco conta sobre a vida daqueles que participaram da rotina do sujeito, como os irmãos matadores Claudinho e Raimundinho. Aliás, matadores existem aos montes, assim como inocentes, jurados de morte, aprendizes de traficantes, X-9 e parceiros. Caco realmente revela a vida no morro como ela é, sem máscaras.

“Abusado” desmistifica o anti-herói do morro e trás os bastidores daquilo que milhares de brasileiros veem, ouvem, mas não vivem. O livro consegue ser sensível sem defender Juliano e ao mesmo tempo denúncia o que as autoridades não enxergam. Vale cada página!
-

Um comentário:

  1. Pela resenha (por sinal muito bem feita, Parabéns!) deu para perceber que o livro deve ser muito bom! Já vou inclui-lo na minha lista de desejos. Precisamos conhecer mais de perto os problemas sociais do nosso país. Novamente Parabéns!
    Gisela - Ler para Divertir

    ResponderExcluir

• Escreva um comentário e deixe uma blogueira muito feliz!

 
Minima Color Base por Layous Ceu Azul editado por Anderson Vidal