1 de jul de 2013

A Marca de Atena - Rick Riordan

Editora: Intrínseca
Páginas: 480
Resenhado por: Anderson Vidal

Annabeth está apavorada. Justo quando ela está prestes a reencontrar Percy - após seis meses afastados por culpa de Hera -, o Acampamento Júpiter parece estar se preparando para o combate. A bordo do Argo II com os amigos Jason, Piper e Leo, ela não pode culpar os semideuses romanos por pensarem que o navio é uma arma de guerra grega: afinal, com um dragão de bronze fumegante como figura de proa, a fantástica criação de Leo não parece mesmo nada amigável. Annabeth só pode torcer para que os romanos vejam seu pretor Jason na embarcação e compreendam que os visitantes do Acampamento Meio-Sangue estão ali em missão de paz.




Desde o momento em que Rick Riordan finalizou sua série Percy Jackson e os Olimpianos eu achava que uma série dando continuação à história, com novos personagens e profecias, seria muito interessante, mas eu nunca esperei que a série Os Heróis do Olimpo fosse me agradar mais que sua antecessora!

Depois de duas aventuras inéditas chegamos à terceira: “A Marca de Atena”, neste livro reencontramos personagens antigos e conhecemos novos. Um fato que é impossível não notar logo no início do livro é o quão emotivo essa história será, iniciando-se com o reencontro de dois dos personagens mais queridos entre os fãs da saga, Annabeth e Percy!

Quando Annabeth, Leo, Piper e Jason chegam ao Acampamento Júpiter à bordo do navio Argo II a confusão se inicia, o grupo estava em busca de Percy e de ajuda para realizar a nova profecia, e eles conseguem o que queriam, porém como "brinde" ganham alguns inimigos a mais - como se não já tivessem o bastante.

A missão que nossos personagens devem realizar soa simples: eles devem encontrar as Portas da Morte e resgatar Nico di Angelo, que está perdido pelo submundo, enquanto isso Annabeth deve seguir atrás da Marca de Atena e resgatar algo de sua mãe que há eras estava perdido. Mas a missão não será simples, afinal algumas pessoas não querem ver tais semideuses triunfarem...

Nada neste livro me decepcionou, Rick Riordan soube fazer com que a história ficasse imprevisível e, assim, mais intrigante. A Marca de Atena me prendeu da primeira à última página, adorei cada frase, cada fala, os atos dos personagens e o final – O QUE VOCÊ ESTAVA PENSANDO RICK?! – foi muito imprevisível e deixou um cliffhanger incrível que me faz contar os dias para ter A Casa de Hades em mãos.

Assim como todo outro livro do Rick Riordan, com exceção de Tequila Vermelha que ainda não li, eu mais que recomendo, acho que todos deveriam ler, pois é uma leitura ótima para descontrair, rir e conhecer personagens extramente cativantes!

"Ah, por favor! Ser um herói não significa que você seja invencível. Significa apenas que você seja corajoso o bastante para fazer o que e necessário." Pág. 387

2 comentários:

  1. Ainda não li nada do Riordan, acredita? Pois é, uma vergonha UHAHUAHUAH mas, queria começar e acho que essa série vai ser a primeira. Percy Jackson não me interessou tanto assim, acho que me decepcionei com o filme, sei lá.

    Um beijo, Karine Braschi.
    Geek de Batom. (@geekdebatom)

    ResponderExcluir
  2. vou ler esse livro qualquer dia
    http://livroazuis.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

• Escreva um comentário e deixe uma blogueira muito feliz!

 
Minima Color Base por Layous Ceu Azul editado por Anderson Vidal