15 de jul de 2013

O Duque e Eu - Julia Quinn

Editora: Arqueiro
Páginas: 288

Simon Basset, o irresistível duque de Hastings, acaba de retornar a Londres depois de seis anos viajando pelo mundo. Rico, bonito e solteiro, ele é um prato cheio para as mães da alta sociedade, que só pensam em arrumar um bom partido para suas filhas. Simon, porém, tem o firme propósito de nunca se casar. Assim, para se livrar das garras dessas mulheres, precisa de um plano infalível. É quando entra em cena Daphne Bridgerton, a irmã mais nova de seu melhor amigo. Apesar de espirituosa e dona de uma personalidade marcante, todos os homens que se interessam por ela são velhos demais, pouco inteligentes ou destituídos de qualquer tipo de charme. E os que têm potencial para ser bons maridos só a veem como uma boa amiga. A ideia de Simon é fingir que a corteja. Dessa forma, de uma tacada só, ele conseguirá afastar as jovens obcecadas por um marido e atrairá vários pretendentes para Daphne. Afinal, se um duque está interessado nela, a jovem deve ter mais atrativos do que aparenta. Mas, à medida que a farsa dos dois se desenrola, o sorriso malicioso e os olhos cheios de desejo de Simon tornam cada vez mais difícil para Daphne lembrar que tudo não passa de fingimento. Agora ela precisa fazer o impossível para não se apaixonar por esse conquistador inveterado que tem aversão a tudo o que ela mais quer na vida.


Os livros, mais do que nos permitir viajar para outros lugares na imaginação, nos permite viajar no tempo. Conhecer costumes e culturas passadas, e enxergar o mundo com outros olhos. Foi incrível constatar, durante a leitura deste romance histórico, que de repente me peguei imaginando como seria se eu vivesse naquele século e, em determinado momento, me vi perdida em meu próprio tempo. Como se meu corpo estivesse no século XXI, mas a minha mente... bom... ela estava longe dali.

Julia Quinn é considerada uma das mestres do gênero, chegou a ser comparada com a Jane Austen (autora do clássico “Orgulho e Preconceito”) e percebi claramente o motivo de tantos elogios. Sua escrita é tão rica em detalhes que a sensação que tive foi que ela veio de 1800 para os anos 2000 para contar-nos suas histórias. Se ela não possui uma máquina do tempo, com certeza se debruçou nos livros de História para dar veracidade ao que narrava e o resultado de seu trabalho não poderia ter sido melhor!

Em O Duque e Eu conhecemos duas famílias distintas: os Basset e os Bridgerton. Simon Basset é o atual duque de Hastings, um jovem bonito e encantador que sofreu durante toda a sua infância por conta da rejeição de seu pai. O pai de Simon era um homem ruim, que precisou ter a morte da esposa para conseguir seu tão sonhado herdeiro. Porém, assim que descobriu que seu filho era gago, sentiu-se repudiado e ignorou-o até seus últimos dias.

Simon desde os 8 anos decidiu que se vingaria do pai, ele então aprendeu a controlar sua gagueira e se tornou um dos homens mais desejados e bem sucedidos de Londres. Porém sua obsessão por não agradar o pai, mesmo depois de morto, é tão grande que ele corre sérios riscos de perder a própria personalidade ou enlouquecer.

Já Daphne Bridgerton é uma doce jovem que sonha em casar com alguém que ame de verdade (e não apenas por acordo entre famílias) e ter uma casa com vários filhos para criar. Daphne gostaria que as coisas acontecessem com calma, mas percebe que sua mãe está desesperada para que a filha encontre logo alguém para esposá-la. A solução surge quando Simon retorna à Londres depois uma longa viagem e propõe fingir cortejá-la, afim de atrair melhores pretendentes para a moça e afastar as mães casamenteiras de sua vida... Parecia ser o plano perfeito, se não houvesse um irmão e melhor amigo ciumento no meio da história, um passado obscuro. Ah! E o amor, claro, que sempre resolve se intrometer.

Esse livro me conquistou de diversas formas, o enredo foi surpreendentemente bem trabalhado, os personagens são muito bem caracterizados e o cenário da época contribuiu para tornar o livro um belo romance. Adorei os personagens principais, mas Anthony (irmão mais velho de Daphne) chamou muito a minha atenção, ele tem um gênio forte e difícil de esquecer. Além dele há também a Lady Whistledown, a anônima colunista de fofoca de um jornal que gerava muita confusão para a sociedade da época. Ela era a Gossip Girl de 1800, hahaha.

A série “Os Bridgerton”, que abordará a vida de cada um dos personagens da família de Daphne, conta com 8 livros e O Duque e Eu é o primeiro. O próximo será sobre Anthony e estou super ansiosa! Julia Quinn sabe mesclar o que há de melhor nos romances históricos: amor, sensualidade, lições e até humor. Eu adorei!

"O desespero na voz de Simon lhe disse tudo o que ela precisava fazer. Ele a queria. Desejava. Estava louco por ela." Pág. 139

41 comentários:

  1. Aaaaah *-* Louca por essa leitura! Tu me deixou super empolgada para ler esse livro. E o que é essa resenha? MAGNÍFICA! <3 Quero o Duque pra ontem!

    ResponderExcluir
  2. Esse livro me conquistou a um tempão! está na minha lista e cada dia mais minah curiosidade aumenta! *-*

    http://tamigarotaindecisa.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Eu realmente não gostei desse livro. Só tinha sexo... Que tipo de livro é esse? Espero que o resto da série não seja assim, porque se não, não vou ler.

    @mmundodetinta
    maravilhosomundodetinta.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  4. Eu estou muito curiosa para ler um desses romances históricos lançados ultimamente pela Arqueiro, e dentre os lançamentos, o que mais me chamou a atenção foi O duque e eu, além da capa linda a história parece ser encantadora e imagina só, se ela foi comparada a Jane Austen, é porque o livro deve ser realmente muito bom!

    Beeijos,
    iSteh

    ResponderExcluir
  5. Tem uma pegada de romance de banca que foram um dos primeiros livros que li. Fora que é um romance épico e uma série/trilogia, o que eu adoro. Fiquei curiosa, louca pra ler!

    ResponderExcluir
  6. Muito bacana! Louca para ler esta série.

    ResponderExcluir
  7. Ahhhhhh como eu amei a Daphne e o Simon...! Principalmente o Simon! Comentei na resenha do Visconde que me amava e dei um pulo aqui para relembrar essa história tão linda!!!! Não me surpreende que a Julia Quinn tenha sido comparada a Jane Austen (O.O) Ela escreve lindamente de uma forma muito doce, leve e com certeza ela deve ter uma máquina do tempo no quintal! =D
    Esse casal é perfeito! Eles são ousados e me surpreendi logo com a primeira cena mais quentinha do casal! ahahaha Alguns livros épicos não vão pra esses lados! E essas cenas foram muito bem construídas. O livro td é fofo! Simon é um pecado em pessoa! Daphne é fantástica! Amooo essa série!!!!! =)

    ResponderExcluir
  8. Geeeeeeeeente, que resenha!
    Eu já andava louca para ler este livro, agora com esta resenha, a vontade só aumentou. Bem que ele poderia ganhar um filme igual "Orgulho e Preconceito", pois amo tanto ver e imaginar como as coisas eram naqueles tempos e acho que a maneira de se vestir é o que mais me encanta. Estou perdidamente apaixonada para ler este livro.
    Beijos!

    http://enfim-dezessete.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Nossa esse livro parece ser tudo de boom, e achei super interessante a forma como o amor surgiu entre ambos, em um fingimento... rsrs, estou louca pra ler ele, eu gosto muito de livros que realmente nos transportam para séculos atrás!!

    ResponderExcluir
  10. É ótimo quando a autora pesquisa antes de escrever algum livro. Fica totalmente na cara, e acho que todos deveriam fazer isso!! Dá um toque mais real!

    Vim comentar, pois estou participando do sorteio do book addict, porém adorei seu blog e visitarei sempre! Já vi que tem outras promoções e vou lá participar! :)

    Beijos,
    www.livrosqueinspiram.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  11. Super concordo que Lady Whistledown era a Gossip Girl de 1800! kkkkkkkkkk
    Comecei a ler 'O Duque e Eu' sem expectativa nenhuma (pois nunca havia lido nenhum romance histórico) e me apaixonei! Personagens muito bem construídos e uma história que mescla romance e momentos divertidos. Ainda fico tentando desvendar quem é Lady Whistledon... terei que fazer o "sacrifício" de ler todos os livros para descobrir. ;D

    ResponderExcluir
  12. Tenho a versão de banca que saiu pela falecida NC. Se aquele, que era mutilado, já amei, imagine esse, na íntegra *_________*

    ResponderExcluir
  13. Romances épicos não me atraem, mas sua ótima resenha fez eu perceber que essa série é muito boa para quem gosta. Esse primeiro livro parece ter todos ingredientes para uma leitura que lhe prende até o final.
    Só tenho uma dúvida: se passa em 1800, mas a escrita é "rebuscada" que nem daquela época, ou é uma escrita atual e fácil?

    ResponderExcluir
  14. Amo livros históricos esse foi um dos primeiros q eu li e amei sempre tive essa fixação pelas roupas da época, esse livro foi uma novidade pois nunca li um livro q o protagonista era gago.

    ResponderExcluir
  15. Adoro romances de época, viajar para lugares distantes. Quero muito saber se o amor de Daphne será correspondido.
    Nome de seguidora:Miriam Guiraldelli

    ResponderExcluir
  16. Sempre fui apaixonada por romances históricos e este é demais. A história dos dois é simplesmente linda e cheia de emoção. Não tem como não se deixar levar pelos encontros e desencontros deles. Amei.

    ResponderExcluir
  17. Linda história né, to encantada com os personagens e toda trama, parabéns pela resenha!! Ahh e curti bastante a capa!

    ResponderExcluir
  18. eu to bastante curiosa por esse livro. e a resenha aumentou ainda mais a minha curiosidade

    ResponderExcluir
  19. Heeeey
    Tuudo bom??
    To com muita vontade de ler esse livro! Adoro historia de época, acho tao legal *-----*
    E essa parece ter um enredo bem interessante!
    Parabéns pela resenha, ta muito boa :)
    <3

    ResponderExcluir
  20. Olá, tudo bem?
    Primeira vez aqui no seu cantinho e adorei!
    Sua resenha só fez aumentar a minha vontade, vejo vários comentários sobre esse livro! Adoro romances históricos, essa aventura de passar por uma época diferente é muito legal, conhecer novos costumes e culturas! Os romances históricos da Arqueiro estão ótimos cada capa mais linda que a outra! Parabéns pela resenha!!

    Beijos,
    lovesbooksandcupcakes.blogspot.com

    ResponderExcluir
  21. Tenho o livro e até comecei a leitura, q achei bem gostosa, mas parei pq tinha alguns livros pra trocar e precisava ler, rsrs... Mas vou continuar sim, fiquei sabendo q tem passagens divertidas. Essa viagem no tempo é mesmo uma delícia, tão distante da nossa realidade, das coisas efêmeras e sem valor de hoje... Apesar da hipocrisia e da falsa moral de antigamente, tb não posso deixar de dizer...
    Gostei da narrativa da autora, achei coerente e dinâmica, deve me entreter.

    ResponderExcluir
  22. Quero ler já faz tempo, adoro livros assim...

    ResponderExcluir
  23. Romance de época que vai virar filme e vai passar na sessão da tarde e todas as vezes que passar eu vou assistir, hehe. Amo este estilo. Quando comecei a ler a farsa do conde, pensei: ele vai acabar se apaixonando... se fosse diferente eu não ia gostar. Adorei a resenha. Quero ler este livro!

    ResponderExcluir
  24. Romance de épocas são tão fofos! E quando li a resenha me encantei ainda mais! Já li outro livro dessa autora e achei super fluida a leitura!

    ResponderExcluir
  25. Já li algumas resenhas e muitos comentários sobre esse livro e percebi que existe pessoas que não gostaram do livro e a maioria gostou. Pela sua resenha, achei a história interessante e pretendo ler.

    ResponderExcluir
  26. Fiquei muito interessada para ler este livro.

    ResponderExcluir
  27. Eu gostei muito de O Duque e Eu. Além do romance, a caracterização da época com seus costumes foi muito bem feita e mais ainda me chamou a atenção o toque de humor e a leveza do texto. Foi uma leitura muito agradável.

    ResponderExcluir
  28. Se a autora foi comparada a diva Jane Austen, já tem minha aprovação. Me parece ser uma obra bem completa em todos os sentidos. Legal perceber que a autora estudou bastante para ambientar muito bem sua época. E, além de estudar, conseguiu passar pro papel tudo muito bem, ao ponto de nos fazer ficar confusos em relação à que época estamos (exagero meu. Rsrsrs). Claro que quero ler, sim!

    @_Dom_Dom

    ResponderExcluir
  29. Comecei a me aventurar entre as páginas de romantes épicos há pouco tempo... mas a história de o "O Duque e Eu" me deixou super curiosa pra devorá-lo!

    ResponderExcluir
  30. Me apaixonei pelo livro. Acabei de colocar na minha lista de desejados. Preciso ler!!!

    ResponderExcluir
  31. Sempre tive curiosidade de ler esse livro, já há algum tempo vinha pensando em comprar em inglês, mas ao saber que os livros seriam trazidos para o Brasil resolvi esperar.
    Tenho uma quedinha por romances históricos, apesar de o final ser quase sempre previsível, geralmente as histórias são ótimas e cheias de diversão. Quero muuuuiito ler >.<

    ResponderExcluir
  32. Gosto muito de romances históricos e esse pela resenha parece ser ótimo, fiquei bastante interessada em ler!

    ResponderExcluir
  33. Amei a resenha!!!
    Estou louca para lê-lo... amo romances e esse parece ser maravilhoso!
    Muito bom! :)

    ResponderExcluir
  34. eu nunca li Romances históricos, mas do jeito que sou boba com romances acho que vou gostar, já vai pra minha listinha de leituras.

    ResponderExcluir
  35. Eu sou apaixonada por romances históricos e depois dessa resenha, fiquei com mais vontade ainda de ler! Ah, e sem contar que a capa é linda né?

    ResponderExcluir
  36. Gosto de histórias de época e essa me parece ser realmente interessante. E é bem verdade que basta ler a sinopse para a gente se lembrar de Jane Austen.

    ResponderExcluir
  37. Resenha ótima ! Tão boa que eu comentei com a minha mãe e ela está louca pra ler também !

    ResponderExcluir
  38. Esse livro fez me apaixonar pela Julia Quinn. Um dos meus momentos favoritos foi quando Lady Bridgerton, Violet, foi explicar o que acontecia na noite de núpcias para a Daphne e outro momento foi a própria noite de núpcias que me arrancou várias risadas...
    Ótima resenha a propósito, bjs!

    ResponderExcluir
  39. Adoro, na verdade, amo de paixão romance de época. E esse me encantou desde que vi no sorteio de cortesia no skoob.
    A capa é envolvente: a jovem e sua expressão, o cenário...
    Não gostei muito da referência a Jane Austen, li dois livros dela, não fui feliz nessas leituras...
    Adorei sua resenha!
    #MorrendoDeVontadeDeLer! *.*

    ResponderExcluir
  40. Também amei esse livro. É bem clichê, mas super bem trabalhado, realmente nos sentimos na época. E a Lady Whistledown dá um toque todo especial a historia, sempre apimentando! O mais legal é que a gente ja conhece os personagens dos proximos volumes e vamos ja nos apaixonando por eles.
    Muito bom.
    Bj

    ResponderExcluir

• Escreva um comentário e deixe uma blogueira muito feliz!

 
Minima Color Base por Layous Ceu Azul editado por Anderson Vidal