7 de mar de 2014

I Love New York - Teca Machado

Editora: Novo Século
Páginas: 264


Alice cresceu apaixonada por Nova York. Mas sempre que tentava ir à Big Apple acontecia algo para atrapalhar seus planos. Quando um vídeo na internet fez com que ela virasse a piada de sua cidade e também do país, largou tudo e finalmente foi para Manhattan passar um tempo e tentar ser “esquecida por todos”. Estudando numa universidade americana, com novos amigos, um lindo namorado e um apartamento de cair o queixo, Alice pensou que tinha deixado o passado um tanto comprometedor para trás. Só que não foi bem assim que aconteceu. Ela não era mais anônima nem mesmo na nova cidade.






Assim que pus os olhos neste livro eu soube que a leitura seria gostosa. Sabe aqueles chick-lits bem relaxantes, para passar o tempo e esquecer o mundo? Foi exatamente isso o que senti, e foi o que o livro me proporcionou: horas de diversão e suspiros! Teca Machado mesmo sendo bem novinha sabe muito bem como usar as palavras e prender o leitor. A cada página eu me via mais empolgada a adentrar o mundo de Alice e participar de suas aventuras na cidade que nunca dorme.

Alice é uma jovem que sempre sonhou em conhecer Nova York, mas seus planos nunca davam certo. Até que em um belo dia, graças ao idiota do seu ex-namorado, ela se vê popular na internet da pior forma possível, e decide que é a hora perfeita para fugir de toda a confusão e realizar seu maior sonho.

Nova York proporciona tudo o que ela precisava: estudos, uma casa lindérrima, vários amigos novos e um namorado de tirar o fôlego. Mas as encrencas da vida de Alice parecem persegui-la por onde ela vá e, mesmo a quilômetros de distância, o vídeo intimidador e os problemas mais inusitados possíveis insistem em ressurgir... E acabar novamente com tudo o que parecia perfeito.

I Love New Yok, mesmo sendo um livro super divertido e irônico, nos faz refletir sobre muitas coisas, como os relacionamentos que temos com os outros e com nós mesmos. Acho um máximo quando isso acontece, pois muitas pessoas esquecem que os livros young adults nem sempre servem apenas para nos divertir, mas também para nos ensinar com base em acontecimentos do nosso cotidiano.

A única coisa que eu "não engoli" foi o fato de um vídeo não tão interessante assim ter causado uma polêmica estratosférica. Em minha opinião, ele teria no máximo cerca de cinquenta mil visualizações no Brasil, e não milhões como foi descrito e chegar a sair do território nacional. Para mim foi exagero.

Os personagens me cativaram muito, mas não posso deixar de destacar que quando fechei o livro senti uma saudade imensa do mocinho da história, o Matheus. Ele é talentoso, simpático e lindo. Não é a toa que a Alice tenha se apaixonado por ele.

Para quem gosta de livros leves, mas com uma boa escrita, este pode ser a escolha ideal. A autora faz com que o leitor sinta exatamente o que a personagem está sentindo e o coloca dentro do cenário e do contexto do livro. Espero poder conhecer mais histórias da Teca e me apaixonar novamente por outros enredos que ela venha a escrever!

2 comentários:

  1. Oi Andresa!
    Encontrei o seu blog por acaso, mas achei lindo o seu cantinho. =)
    Eu estou à procura de livros leves e rápidos, pra me curar de uma ressaca literária. Gostei muito da sua resenha! Com o crescente número de meninas expostas por vídeos graças a ex-namorados imbecis e sem caráter, um livro com esse tema é algo interessante a se pensar.
    Beijos,
    Priscilla
    http://infinitasvidas.wordpress.com

    ResponderExcluir
  2. Ooi, Andressa!
    Muito obrigada pela resenha. Fiquei muito feliz.
    É sempre bom saber que tem gente gostando do nosso trabalho, ainda mais de um livro que eu vejo mais como um filho do que um trabalho.
    Aaah, como não sentir saudades do Mateus, aquele lindo? Confesso que quando terminei de escrever, fiquei deprimida por saber que eu não ia mais "ver" ele todos os dias, haha.
    Estou já escrevendo outros dois livros, no mesmo estilo. Quero terminar o mais rápido possível!
    Obrigada mais uma vez!
    Beijos

    www.casosacasoselivros.com

    ResponderExcluir

• Escreva um comentário e deixe uma blogueira muito feliz!

 
Minima Color Base por Layous Ceu Azul editado por Anderson Vidal